O jornal eletrônico de Águas Claras • Sábado, 21 de Julho de 2018

0

Águas Claras

Perseguição em Águas Claras termina com detenção e veículo danificado em plena luz do dia

Moradores de Águas Claras se surpreenderam, em plena tarde de segunda-feira, com a ronda de um helicóptero de polícia pela rua 9 Sul, perto da estação Arniqueiras.

Helicóptero da Polícia Civil pousa em terreno durante a perseguição / Imagem: Filipe Miranda

Segundo informações, bandidos subiram a rua 13 Sul, entraram pela contramão no viaduto da Arniqueiras mas foram cercados pela polícia civil na rua 12 Sul, perto da estação, e tiveram um pneu estourado pela PM. Outros 2 bandidos ainda estariam foragidos.

De acordo com o delegado-adjunto da CORPATRI, Raphael Seixas, a unidade recebeu denúncia de que um carro que havia sido colocado em um lava jato, por volta das 11h40, apresentava restrição. Agentes da Polícia Civil montaram campana e aguardaram o suposto dono vir buscar o veículo. Quando este chegou, desembarcou de uma caminhonete prata (onde se encontravam mais dois comparsas) e entrou no estabelecimento. No entanto, desconfiou da situação e tentou regressar, momento em que os policiais se identificaram e deram voz de prisão.

 

Publicidade

Operação

Os suspeitos empreenderam fuga em sentidos diversos, o que levou os policiais a capturar um dos autores. Diversas equipes da Polícia Civil deram apoio à ação, inclusive com atuação do helicóptero da Divisão de Operações Aéreas (DOA).

O homem capturado, de 34 anos, dirigia uma uma Ford XLS Ranger prata, supostamente roubada. O carro foi danificado no incidente, com os quatro pneus furados e uma batida na traseira.

Na delegacia, os agentes descobriram que o homem preso já possuía diversas passagens pela polícia, dentre elas, furtos, porte de arma, estelionato e receptação.

Uma moradora da região disse que ficou assustada quando foi informada da situação, pois a apreensão ocorreu perto do Colégio Sigma: “quando me disseram a rua já fiquei apreensiva com a minha filha que estuda na escola do lado”, relata.

 

Henrique Terceiro; com informações de PCDF

 

Publicidade

 

Comentários

}