O jornal eletrônico de Águas Claras • Quarta Feira, 18 de Julho de 2018

0

Águas Claras

Princípio de incêndio no TacoPep de Águas Claras é contido pelos bombeiros

Bombeiros conseguiram apagar o fogo antes que causasse danos ao estabelecimento.

 

Por volta da 2h30 desta quinta-feira (28/12), um princípio de incêndio ocorreu na cozinha do TacoPep, célebre restaurante especializado em comida mexicana de Águas Claras, que fica no piso superior do Ed. Villa Mall, na av. Castanheiras. O episódio não deixou feridos.

 

Quatro viaturas e 15 militares lutaram contra as chamas, segundo o CBMDF. A perícia ainda vai avaliar as causas do incidente.

 

Publicidade

 

Bombeiros em ação para conter o incêndio (Foto: divulgação Facebook/AMAAC)

 

Vidraça da janela ao lado foi quebrada na tentativa de acessar a cozinha (Foto: Henrique Terceiro / Aqui Águas Claras)

 

Parede aberta pelos brigadistas para acessar a cozinha do restaurante (Foto: Henrique Terceiro / Aqui Águas Claras)

 

Alguns vizinhos ficaram alarmados com a fumaça saindo do prédio e chamaram o corpo de bombeiros, que identificou a origem do fogo. Os brigadistas tiveram dificuldades para entrar na cozinha, que estava fechada. Quebraram a porta da loja ao lado, esperando por uma entrada de acesso, mas sem sucesso. Imagens mostram que também tentaram entrar pelo teto. Conseguiram entrar pelo portão do restaurante e abriram a parede para acessar a cozinha.

 

Felizmente o salão principal do restaurante não foi atingido (Foto: Henrique Terceiro / Aqui Águas Claras)

 

O proprietário demosntrou preocupação. “Se os bombeiros não agissem rápido talvez teria pegado fogo em tudo”, relatou o dono do restaurante Taco Pep ao Aqui Águas Claras. Segundo ele, só parte da cozinha foi atingida, ficando o salão do restaurante preservado. Também declarou que, tão logo a perícia libere o restaurante, eles vão retomar o atendimento ao público o mais rápido possível.

 

Publicidade

 

Último caminhão dos bombeiros em retirada com a situação já contida, por volta das 7h da manhã (Foto: Henrique Terceiro / Aqui Águas Claras)

 

Falta de porteiro

 

O proprietário também relatou que o edifício está há cerca de um mês sem porteiro. Ele acredita que a presença de um plantonista seria importante para denunciar incidentes como este. Também lamenta a falta de um porteiro pois ele poderia auxiliar os bombeiros em serviço: “se houvesse alguém com conhecimento do local, os bombeiros nem teriam quebrado a porta de vidro da loja ao lado”, conta.

 

 

AquiÁguasClaras / Foto: Henrique Terceiro

 

Comentários

}