O jornal eletrônico de Águas Claras • Quinta Feira, 16 de Agosto de 2018

0

eleições

Tribunal Eleitoral retira do ar propaganda partidária do PTB contra Rollemberg

Segundo a desembargadora, não havia propostas ou programas no material veiculado, apenas críticas ao atual governo

 

O Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF) emitiu uma liminar considerando ilegais as propagandas partidárias do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) que estavam sendo veiculadas desde o dia 1/09.

 

A liminar foi deferida a pedido do Partido Socialista Brasileiro (PSB), sigla de Rollemberg. Na decisão da desembargadora Carmelita Brasil, a propaganda não contemplava as funções previstas na lei 9.096/95. “Não vi na propaganda menção ao programa partidário e sua eventual execução, nem tampouco discussão sobre temas político-comunitários ou promoção e difusão da participação feminina. Ademais, nessa fase processual, entendo que o que foi dito revela somente a intenção de desqualificar o atual ocupante do cargo de chefe do Poder Executivo”.

 

Publicidade

 

As emissoras de comunicação foram informadas por telefone a impedir a veiculação das propagandas. Nos vídeos de 30 segundos aparecia o presidente do partido, Alírio Neto, falando que “está faltando é competência, é comando, é gestão” e citando casos como o desmaio de uma criança em uma escola pública do Cruzeiro, o fechameto de restaurantes comunitários e o aumento das passagens de ônibus e metrô.

 

Com informações do Correio Braziliense

 

Comentários

}