O jornal eletrônico de Águas Claras • Quarta Feira, 25 de Abril de 2018

0

Oportunidades

Qual a nota do Enem necessária para estudar em Portugal?

Atualmente são 26 as instituições de ensino superior de Portugal que aceitam a nota do Enem para ingresso em seus cursos. Este crescente número de instituições é acompanhado pelo mesmo interesse dos estudantes brasileiros em estudar em terras lusitanas. No entanto, ainda há dúvidas sobre algumas etapas do processo de seleção e, até mesmo, como calcular a nota do Enem e quais são as pontuações máxima e mínima obtidas para ingressar em cada curso.

Com a intenção de ajudar a esclarecer este último ponto, vou apresentar de uma forma geral qual a nota mínima e máxima obtida pelos alunos aprovados no Concurso Especial de Acesso e Ingresso do Estudante Internacional – Ano Letivo 2017/18, 1ª fase, da Universidade do Algarve (UAlg). Neste caso, a nota mínima obtida para ingresso foi de 10, enquanto a máxima foi 15,6. Obviamente que isso é dependente de cada curso e tal qual todo e qualquer processo seletivo a variação das notas pode mudar de ano para ano ou, até mesmo, de fase para fase, pois a maioria das instituições de ensino superior portuguesas abrem três fases de candidatura.

Como é feita a conversão da nota do Enem para a nota portuguesa?

O cálculo para realizar a conversão da sua nota Enem para o sistema português dependerá da área que você escolher, ou melhor, do curso escolhido. Primeiramente, você deve considerar que o ingresso na UAlg é condicionado a uma pontuação mínima de 500 pontos na prova de redação e pelo menos 475 pontos em cada uma das restantes provas.

 

Publicidade

Para exemplificar a conversão das notas vamos partir da seguinte situação: um candidato interessado em cursar Biologia obteve 850 pontos na prova de redação (área do conhecimento denominada como “E”, e 700 pontos em cada uma das provas nas diferentes áreas do conhecimento, nomeadamente: Ciências Humanas e suas Tecnologias (A), Ciências da Natureza e suas tecnologias (B), Linguagens, Códigos e suas tecnologias (C) e Matemática e suas tecnologias (D).

primeira etapa do cálculo é obter a classificação do ensino médio (F), a qual é dada pela soma das notas em todas as áreas do conhecimento, dividido por cinco: (700+700+700+700+850/5 = 730 pontos).

Em seguida verifica-se a classificação final da prova (G) relacionada ao curso pretendido, a qual em nosso exemplo será a nota obtida na área “B” (700 pontos).

No caso da terceira etapa, realiza-se o cálculo da classificação ponderada (H), a qual é dada pela seguinte fórmula: F x 0,65 + G x 0,35, que no caso do candidato ao curso de Biologia será dada por (730 x 0,65 + 700 x 0,35 = 719,50).

classificação final será obtida pela nota “H” multiplicada por 20 e dividida por 1000, ou seja: 719,50 x 20/1000 = 14,39.

Portanto, a nota de 14,39 provavelmente levaria o nosso candidato a aprovação ao Curso de Biologia na UAlg.

 

Publicidade

Assim como no Brasil, as “notas de corte” mudam

No fim das contas, eu gostaria de ressaltar novamente que em cada processo de seleção pode haver uma variação na nota mínima de ingresso. Por isso, dedique-se ao máximo durante as provas para que consigas notas muito boas. Não fique condicionado as estatísticas ou dados de concursos anteriores – eles servem apenas para dar uma orientação ou informar.

Por fim, espero que este texto tenha esclarecido como é feita a conversão da nota Enem para o sistema português, neste caso para ingresso na UAlg. Na página da UAlg é possível consultar as notas por curso, ou confira também o quadro completo que desenvolvemos sobre esta primeira frase no blog BrandoBe.

Este artigo foi originalmente publicado por Estudar Fora, portal da Fundação Estudar

Ana Lourenço

Comentários

}